As doenças cardíacas hereditária, englobam cinco grandes grupos de patologias:

  1. Miocardiopatias (hipertrófica, arritmogénica do ventrículo direito, dilatada, não-compactada, restritiva, Takotsubo)
  2. Síndromes arrítmicas (Brugada, QT longo..)
  3. Doenças da aorta (Marfan, Ehler Danlos,Loeys-Dietz,..)
  4. Dislipidemias familiares
  5. Doenças neuromusculares

Como estas doenças são as principais causas de morte súbita em atletas jovens, o seu diagnóstico precoce e exclusão é fundamental.

Uma vez detectada a doença é realizada uma avaliação clínica detalhada com estratificação de risco, com aconselhamento sobre a prática desportiva.

Pelo carácter hereditário destas patologias o rastreio é alargado aos membros da família.

Dada a complexidade do diagnóstico destas patologias, a especificidade dos exames complementares necessários, a dificuldade da instituição terapêutica e o seu impacto prognóstico, é fundamental a avaliação destes doentes em centros diferenciados.